Pipoca + Guaraná: Bela e a Fera 2017

Olá meus amores…

Hoje vim falar de um filme que foi motivo de euforia no inicio desse ano!

Esse filme fez parte da minha infância, sempre brincamos de princesa e a Paula que já foi blogueira aqui no blog sempre era a bela, líamos histórias e essa parte da infância marcou muito minha vida, minha personalidade na verdade hahaha

Bom vamos falar sobre esse clássico que está presente na vida da maioria das meninas haha

Quando você assiste o novo A Bela e a Fera, você está em um universo escuro e tempestuoso. O design visual, especialmente no majestoso castelo, é quase gótico, mas ao decorrer do filme parece que ele vai criando vida, exatamente combinando com a história.

Toda a história se passa na França e gira em torno do príncipe Adam (Dan Stevens). Amaldiçoado por uma bruxa por ser egoísta e ligar apenas para a aparência, ele é transformado em um mostro, e todos os habitantes do seu luxuoso castelo se tornam objetos por isso os efeitos sob o castelo são tão ”escuros”. A feiticeira entrega ao rapaz uma rosa, e diz que ele tem, até o cair de sua última pétala, para aprender a amar e ser amado ou o feitiço se tornaria permanente.

Bela (Emma Watson), é uma jovem inteligente e a frente de seu tempo, que não se encaixa na pequena cidade onde vive por gostar de coisas diferentes e ver o mundo de uma maneira única. Kevin Kline interpreta Maurice, o pai da jovem e é ele quem une o casal, pois furta uma rosa do jardim de Adam para dar à filha, mas acaba sendo preso pela Fera, que só o liberta com a condição de que a garota fique em seu lugar.

Seguindo bem a história como aparecia na animação da Disney.

Os personagens animados, Lumière, o candelabro, Cogsworth, o relógio de pêndulo e Garderobe, o guarda-roupa  são animados com maestria, fofura e parecem reais, foi um show de efeitos especiais, na minha opinião, teve gente que não gostou muito!

Sinopse

Adaptação live-action da clássica história de A Bela e a Fera (1991 – Disney). Bela (Emma Watson) mora em um vilarejo no interior da França e possui características e sonhos avançados para sua época. Seu pai Maurice (Kevin Kline) é inventor e, por vezes, chacota do vilarejo. Gaston (Luke Evans), o homem mais cobiçado do local, junto com seu amigo inseparável LeFou (Josh Gad) procuram conquistar Bela a se casar com Gaston. A vida pacata no vilarejo muda completamente quando Bela fica no lugar do pai como prisioneira de uma Fera (Dan Stevens) dentro de um castelo mágico que possui uma rosa encantada secreta.

Trailer

Aproveitem essa dica no finde!Não tem quem não goste desta história!

E não podia faltar a grande reflexão que o filme passa…que tal refletirmos mais antes de julgarmos precipitadamente soluções de problemas, pessoas e coisas? Essa é uma das mensagens que sinto sempre que lembro da história de A Bela e a Fera. Talvez, agindo dessa maneira, possamos evitar criar e alimentar um monstro dentro de nós.

Pensem nisso!

Beijos de luz!

 

Extrovertida, doida e tagarela. Gaúcha, apaixonada pelo mundo, que com seus 21 anos faz bagunça aqui no blog com toda sua hiperatividade. Taurina de carteirinha e futura bióloga, a tagarela tem como hobby comer batata frita, desbravar as curiosidades da internet e ler livros da Agatha
Comente pelo Facebook 😉

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *