Tá precisando de dinheiro? Eu também!

Esse é o tipo de post que ativa a curiosidade da galera. Mas esse não é daqueles: “Quer saber como ganhar mais grana? Clique aqui e compre nosso manual …” Não, não. A gente que estuda ta sempre precisando de uma grana extra, seja para gastar no xerox da universidade ou para comprar algo que queremos muito. E pra isso eu separei umas ideias pra inspirar a galera a faturar nas horas vagas.

1. Aulas extra

Tem gente que é bom em matemática, física ou português. E se você vive só por conta de estudar, porque não anunciar naqueles murais de aviso que toda faculdade tem? Você pode se anunciar na internet também. Já teve semana que todos  os meus horários estavam cheios e consequentemente eu faturei uma grana boa! Pra quem faz faculdade, existe a opção de ser bolsista. Eu mesma já fui por um ano. Valeu muito a pena, pois além de ganhar uma grana e a parte boa é que essas bolsas eu pude incluir no meu currículo.

Então busque a coordenação do seu curso e veja se tem monitorias remuneradas, bolsas de iniciação também são uma boa opção para quem tem a vida acadêmica doida que nem eu.

2. Artesanato

Não tem jeito, tem gente que tem um dom fora do comum pra trabalhos manuais. Minha mãe, desde que eu me entendo por gente sabe fazer mil coisas. E desde pequena eu me propunha a ajudar. Com essa brincadeira eu aprendi a fazer bijuterias, caixinhas e arriscar umas pinturinhas! Se você é uma dessas, porque não usar esses dons para fazer uma graninha a mais? Que mulher não ama uma biju nova?
Já pensou em fazer acessórios exclusivos e vender na internet? Isso é muito simples. Vocês conhecem o Tanlup? Lá você pode criar sua loja online por um preço bem simbólico. Além de poder vender para todo Brasil, você tem acesso a formas de pagamento como cartão de crédito, boleto e Pag Seguro. É bem bacana e muito simples. Interessou? Clique aqui para saber como fazer sua loja online.
A coisa bem feita da grana minha gente!
3. Maquiadora e manicure
Já pensou em fazer uma grana maquiando? Se você tem habilidade, porque não usa-la? Há alguns salões que estão sempre precisando de gente nessa área e sem falar que você mesma pode fazer cartõezinhos e distribuir para suas amigas. Quando elas tiverem aquela festa, sem dúvidas lembrarão de você. Hoje em dia com a modernidade da internet existem algumas fadas madrinhas do mundo da beleza. Fotos e vídeos passo-a-passo deixam nova vida feminina cada vez mais fácil.
Agora para as meninas que são talentosas em fazer unhas vem uma boa notícia: saber fazer unhas é um ótimo negócio. Já reparou que as mulheres tem tendência em fazer as unhas toda semana? Se eu não fazer as unhas, eu não me sinto legal durante a semana. Pode parecer até fútil. Mas as unhas é uma espécie de “cartão de visita”, tanto como seu cabelo, pele e sobrancelhas! E além de economizar fazendo suas próprias, que tal ainda faturar uma graninha fazendo unha das suas amigas? O investimento não é alto e se você fizer tudo direitinho vai formando uma clientela fiel!
4.Vendendo bombons ou comidinhas gostosas
Gente, essa ideia da trabalho, mas pode ser uma das mais lucrativas. Se você manda bem na cozinha, porque não investir em criar comidinhas e vender? Lá na faculdade, na hora do intervalo você ainda pelos corredores e vê um monte de gente vendendo várias coisas como: sanduíche natural, empada, cachorro-quente, pizza e várias outras gostosuras.
Uma coisa que me chama atenção é que eu ainda não vi ninguém vendendo Cupcake. Gente bora vender isso que eu viro freguesa certa!
Ta vendo lindezas, o importante é não ficar parada. Se você fica só por conta dos estudos, que tal criar uma atividade extra pra faturar uma grana? As ideias estão ai!
Com amor Duda!
Extrovertida, doida e tagarela. Gaúcha, apaixonada pelo mundo, que com seus 21 anos faz bagunça aqui no blog com toda sua hiperatividade. Taurina de carteirinha e futura bióloga, a tagarela tem como hobby comer batata frita, desbravar as curiosidades da internet e ler livros da Agatha
Comente pelo Facebook 😉

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *